Imperatriz Leopoldinense, desferiu ataque inaceitável contra os produtores rurais brasileiros

1/9/2017

 

Tomamos conhecimento através dos meios de comunicação que a título de apresentar em seu desfile carnavalesco em 2017, enredo abordando homenagem ao Parque Nacional do Xingu,  a agremiação G.R. E.S. Imperatriz Leopoldinense, desferiu ataque inaceitável contra os produtores rurais brasileiros , generalizando de forma inexplicável a pratica do uso indiscriminado de defensivos agrícolas, como se esse tipo de comportamento, se constituísse em regra no setor.
Ao organizar uma "ala" com a denominação "fazendeiros e seus agrotóxicos" , a referida agremiação presta um desserviço, e contribui para comprometer a imagem de produtos oriundos da produção rural brasileira tanto no País como no exterior, tendo em vista o alcance da cobertura jornalística do carnaval, na condição de evento de repercussão internacional.
No campo, na agroindústria, na exportação e especialmente no cotidiano da população, o agro é motivo de orgulho e responde por aproximadamente 37% dos empregos , representando mais de 22% do PIB nacional, abastecendo o mercado doméstico e chegando a mais de 180 países.
Dessa forma , ainda que se trate de obra de natureza artística, tal abordagem não pode ser enquadrada como simples manifestação cultural, devendo ser classificada como fruto do mais absoluto PRECONCEITO contra aqueles que com muita entrega e sacrifício se dedicam ao honroso ofício de produzir matérias primas e principalmente,  o alimento que chega às mesas das familias ao redor do mundo.
Assim como não aceita que qualquer grupamento profissional ou étnico seja vítima de tal ofensa, este Conselho, representando os Secretários de Agricultura das vinte e sete Unidades da Federação, vem a público apresentar esta NOTA DE REPUDIO , esperando a retratacao por parte de tão respeitada Escola de Samba, bem como a retirada IMEDIATA do tema de seu desfile, como forma de prevenir danos ainda maiores aos  agricultores brasileiros e suas famílias.
Christino Aureo - presidente do CONSEAGRI - Conselho Nacional de Secretários Estaduais de Agricultura.

Please reload